Buscando a notícia para você desde 2007 - Costa do Sol - Ano 10 -

*Pare de reclamar. Olhe ao seu redor antes que seja tarde.

Certa vez, um homem caminhava pela praia numa noite de lua cheia. Pensava desta forma:

Se tivesse um carro novo, seria feliz...
Se tivesse uma casa grande, seria feliz...
Se tivesse um excelente trabalho, seria feliz...

Foi quando tropeçou numa sacolinha cheia de pedras. Ele começou a jogar as pedrinhas, uma a uma, no mar, cada vez que dizia:

Seria feliz se tivesse...

Assim o fez ficando somente com uma pedrinha na sacola, que decidiu guardá-la.

Ao chegar em casa percebeu que aquela pedrinha tratava-se de um diamante muito valioso! Imagine quantos diamantes ele jogou no mar enquanto não parava de pensar?

Assim são algumas pessoas: jogam fora seus preciosos tesouros por estarem esperando o que acreditam ser perfeito ou sonhando e desejando o que não têm, sem valorizar o que tem perto delas reclamando da vida.

Se olhassem ao redor, parando para observar, perceberiam o quão afortunadas são!

Muito perto de si está sua felicidade. Espero que você não diga esta frase no passado.

"Muito perto de mim estava a minha felicidade". Jogou fora seu diamante? Cuidado.

Cada pedrinha deve ser observada. Pode ser um diamante valioso...


Se você jogou fora o seu diamante, não lamente. Quem sabe ele volta para a sua mão. Mas desta vez, olhos abertos e atentos. Mas se você jogou fora esse diamante varias vezes e não percebeu que ele estava bem perto de você. Não haverá outra oportunidade. Outra pessoa que não estava reclamando da vida e com olhos mais atentos e abertos achou esse diamante e não o jogará fora.

Cada um de nossos dias pode ser considerado um diamante precioso, valioso e insubstituível.
Depende de nós aproveitá-los ou lançá-los ao mar para nunca mais recuperá-los.

E você: como anda jogando suas pedrinhas? Olhe bem

A morte não é a maior perda da vida. A maior perda da vida é o que morre dentro de nós enquanto vivemos!

Autor: Desconhecido