Buscando a notícia para você desde 2007 - Costa do Sol - Ano 10 -

Parábola : O florista e o sábio

Um plantador de flores pediu a um sábio que o ajudasse a melhorar a sua propriedade,que tinha baixo rendimento.
-Preciso de sua ajuda pois meu sitio que planto flores é muito grande e não da para ver todos os cantos e não tenho vontade e o deixo na mão dos meus encarregados e o sitio vai mal.

O sábio escreveu algo em um pedaço de papel e colocou em uma caixa.Fechou-a e entregou ao granjeiro dizendo:

-Leva esta caixa obrigatoriamente por todos os lados de seu sitio, leve-a nos 4 cantos de sua plantação de flores, três vezes ao dia,durante um ano, tenha vontade que o que esta dentro desta caixa vai lhe ajudar.

Assim fez o florista. Resgatou animo dentro dele e foi. Pela manhã,ao ir ao campo segurando a caixa,encontrou um empregado dormindo,quando deveria estar trabalhando tomando conta das terras. Acordou-o e chamou-lhe a atenção.
Ao meio-dia,quando foi ao estábulo,encontrou o gado sujo e os cavalos sem alimento.
À noite,indo à cozinha com a caixa,deu-se conta que o cozinheiro estava desperdiçando os alimentos.

A partir daí,todos os dias,ao percorrer o sitio de plantação de flores de um lado para o outro com seu amuleto,encontrava coisas que deveriam ser corrigidas.

Ao final do ano,voltou a encontrar o sábio e lhe disse:

-Deixa esta caixa comigo por mais um ano;minha empresa e minha propriedade  melhorou o rendimento desde que estou com o amuleto.

O sábio abriu a caixa e leu o que estava escrito.

No papel estava escrita a frase seguinte:

"Se queres que as coisas melhores deves acompanhá-las constantemente."

O sábio sorriu e disse-lhe:

-Podes ter esse amuleto pelo resto da vida.

Reflita:
Não deixe na mão dos outros seus bens. Um ditado antigo fala:
"O olho do dono engorda o gado"

É antigo mas é um bom ditado